Juizes acabaram de soltar uma nota que vai balançar o Brasil, dizem não a PEC 241





“Com a PEC 241 o Executivo passará a ser o 'super poder', controlando os demais poderes e o Ministério Público por meio dos recursos financeiros. A longo prazo, o Judiciário será obrigado a fechar varas diante da impossibilidade de contratação de novos juízes e servidores. A pretexto de controlar gastos, a medida irá dificultar o enfrentamento da corrupção, essa sim a raiz da crise econômica brasileira” afirma o presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Roberto Veloso.
Confira a nota:
Nota da AJUFE sobre a PEC 241
A AJUFE – Associação dos Juízes Federais do Brasil – vem a público trazer algumas considerações sobre a PEC 241, a chamada PEC do Teto, bem como rebater algumas inverdades que vêm sendo divulgadas na mídia sobre a intenção das associações de Magistrados e Procuradores da República ao se manifestarem contrariamente ao referido projeto de emenda constitucional.

O governo, diante do rombo financeiro deixado pela má gestão e corrupção, culpando unicamente o serviço público e sob o pretexto de controlar os gastos excessivos e permitir que o país volte a crescer, pretende impor um congelamento no orçamento, estipulando que as despesas de um ano não poderão ultrapassar a inflação do ano anterior.
O governo faz manobras para aprovar rapidamente a emenda, sem qualquer debate prévio e amplo com participação da população, que vai sofrer diretamente seus efeitos.
Investimentos em áreas essenciais – saúde, educação e assistência social – estarão limitados caso referida emenda constitucional seja aprovada, e nenhum debate é proposto para que a sociedade civil possa ter conhecimento do alcance dessa reforma e das suas consequências.
O mero reajuste pela inflação não é suficiente para suprir a despesa gerada pelo simples aumento da população que, em situações de crise economia depende ainda mais dos serviços públicos.
Outrossim, o raciocínio de que o rombo no orçamento federal vem do pagamento de salários ao funcionalismo público não pode ser levado em consideração, uma vez que os valores apontados em ranking recentemente divulgado pelo jornal O Estado de São Paulo não correspondem à realidade, especialmente da magistratura federal.

E, ao contrário do que ali consta, o Poder Judiciário sofreu fortemente com os cortes orçamentários impostos para o ano corrente, o que já vem prejudicando a prestação do serviço e a própria manutenção dos fóruns, gerando demissões em massas de funcionários terceirizados que lidavam com a limpeza e segurança e também de estagiários.
A alegada independência orçamentária do Poder Judiciário não existe na prática, apesar de constitucionalmente prevista. Além disso, ao contrário do que foi afirmado na reportagem, nenhum reajuste foi concedido este ano à Magistratura e ao Ministério Público Federal, enquanto outros reajustes foram dados a diversas categorias de funcionários do Poder Executivo.
O governo também contra-argumenta que, sem a aprovação da PEC, a única alternativa é o aumento de impostos.
A Ajufe aproveita o ensejo para ressaltar que sempre se manifestou favoravelmente à reforma tributária, que vem sendo sucessivamente adiada por diferentes governos e legislações. Ressalte-se que a carga tributária que incide sobre o contribuinte brasileiro é altíssima, sendo que a única medida tomada pelos governos é sempre a maior oneração do contribuinte.

Boa gestão dos gastos públicos é essencial para qualquer economia, pública e privada. No entanto, além de impedir qualquer debate sobre as novas medidas propostas, o governo impõe restrições para um período extremamente longo, de 20 anos, durante o qual não poderá haver nenhuma expansão no serviço público além do crescimento da inflação, o que, como visto, é insuficiente para conter a simples demanda.
Especificamente no tocante ao Poder Judiciário, investimentos deixarão de ser feitos, novos concursos não poderão ser abertos, a demanda de processos aumentará e a força de trabalho não, gerando mais atraso na prestação jurisdicional. E outras restrições atingirão também os serviços de saúde, assistência social, educação e toda a população brasileira sentirá seus efeitos nefastos.
Juizes acabaram de soltar uma nota que vai balançar o Brasil, dizem não a PEC 241 Juizes acabaram de soltar uma nota que vai balançar o Brasil, dizem não a PEC 241 Reviewed by Politica e Democracia on 20:12:00 Rating: 5

103 comentários:

  1. Respostas
    1. Vendo do alto, o que se passa é que o dinheiro arrecadado é mais do que suficiente para tocar o país, e o excesso é simplesmente desviado, embolsado. Aumentar o gastopúblico significa mais dinheiro para embolsar. Por isso limitem-se os gastos, sim, e façam uma limpa nos desvios. na corrupção,
      e verão que o país endireita

      Excluir
    2. Vaja a arrecadação percapita antes de falar isso.
      No Brasil vc paga muito imposto tanto sobre renda como consumo enquanto os 1% mais ricos nao pagam IR pois recebem como lucro.

      Excluir
    3. Vaja a arrecadação percapita antes de falar isso.
      No Brasil vc paga muito imposto tanto sobre renda como consumo enquanto os 1% mais ricos nao pagam IR pois recebem como lucro.

      Excluir
    4. Que a PEC venha e faça um controle em todos os órgãos pois acredito que todos sem exceção fazem uma péssima gestão de seus recursos e assim sempre sobra para a sociedade . Que salários não sejam onerados que despesas sejam controladas . A tecnologia está aí para substituir o excesso de pessoal , que se use . Essa PEC jamais afetará a Lava a Jato. O q vcs estão preocupados é com vossos salários - Danem-se - Não tem meu apoio não

      Excluir
    5. Eliana Gambarra tu é tapada,tenho pena de gente como você

      Excluir
    6. Falar em limitação de gastos nos moldes da PEC 241, agora como PEC 55 no Senado chega a ser idiota. O que tem que se fazer sim é transparência em 100% das operações financeiras do país para não haver mais corrupção. O problema é a corrupção e a má gestão nos gastos não está no pagamento da base da pirâmide do funcionalismo público não, mas sim nos altos cargos. Além do mais a tributação inteligente deve ser feita a onerar menos os que têm baixa renda e lamentar sim a carga tributária aos gigantes campeões de renda da nação como já foi amplamente explanado por economistas na mídia. Temos que passar a trabalhar mais com a cabeça e menos com a paixão, pois só assim faremos justiça social e não apenas a almejaremos a nós mesmos.

      Excluir
    7. Quem não tem conhecimento do problema que estão armando para a população trabalhadora, aconselho ficar calado.

      Excluir
    8. verdade! tem muita gente má informada, falando besteiras, se nao pode ajudar, cale-se

      Excluir
    9. Vamos nos espelhar em países que têm transparência e efetiva administração pública, como a Suécia... vamos instituir um teto salarial para os gestores públicos,aos moldes do salário mínimo, Vamos tributar c impostos mais altos quem tem grandes fortunas, investir em educação e tecnologia, então veremos se não se controla a economia pública! Tirar recursos de quem tem É não do povo q produz a riqueza do país @

      Excluir
    10. Muito bonito. vamos implantar tudo isso com o Prostíbulo Nacional que está aí? Eleito por um povo cretino que provou que não quer tirar o pé da lama, que gosta de ser espoliado, condescendente com a bandidagem pois gostaria de estar lá um dia, que acredita em pastor pedófilo e estelionatário e charlatão, em fascistas e lobistas de empresas? Com a bancada majoritária BBBB (bala, bíblia, bola e burrice) as coisas só vão piorar e pouco adianta sonhar.

      Excluir
    11. Teto salarial tem, mas eles conseguem agregar ao salário utilizando de subterfúgios tais como auxílio moradia, educação, entre outros, porque quem ganha 39 mil precisa mesmo disso, coitado! E no prórpio judiciário, uma vergonha. Tributem os ricos!

      Excluir
    12. OS JUÍZES COMO SERGIO MORO PEGAR OS LADRÃO DA PETROBRAS E FAZER ELES DEVOLVER TUDO QUE ROUBARAM E ASSIM ACABAR COM A CRISE DO BRASIL , BASTA DE NOS POVO PAGAR PELOS ROUBOS DESSES CORRUPTOS QUE FICARAM ANOS A FIO ROUBANDO E OPRIMINDO . JUIZ SERGIO MORO TEM QUE FAZER VALER SEU TITULO DE JUIZ E COLOCAR UM BASTA A ESSES CANALHAS CORRUPTOS , ASSIM ELE VAI ENTRAR PRA HISTORIA DE UM JUIZ QUE FEZ JUSTIÇA

      Excluir
    13. Kkkkkkkkkkkk Mds quanta asneira! Retardo total.

      Excluir
    14. Controle do gasto publico capitaneado por michel temer, renan caheiros e rodrigo maia. So sendo muito imbecil pra entrar nessa

      Excluir
    15. Moro é outro que se delicia com dinheiro público...a unica diferença que recebe legalmente....mais injustamente perante as dificuldades do Brasil......como foi rema de várias revistas internacional a vida de luxo que nos proporcionamos para o Judiciário, que tem hoje o maior salário do mundo, com alguns Juízes ganhando 700 mil mensais....Moro mesmo segundo auguns sites ganha mais de 120 mil mensais....

      Excluir
  2. A grosso modo, não tenho visto debates de economistas, detalhando itens, áreas onde estão distribuídos os gastos. Isto chama-se "ORÇAMENTO DO GOVERNO". Deveria ser apresentado ao POVO, debatido cada item. Estudados os cortes, excessos de cada área. Estuda sua importância. É isso ninguém fala!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Cofecon se posicionou contrário à PEC 241. Não acredito em análise econômica defendida ou elaborada por economistas de mercado, filiados à empresas privadas supranacionais ou à corretoras de valores, pois esses tem interesses excludentes ao interesse público. Acredito no posicionamento de economistas acadêmicos que exercem a função do estudo macroenômico de forma abrangente.

      Excluir
  3. Não sou a favor de aumentos salariais para algumas classes e outras não, o que seria apropriado era se estabelecer ganhos para todas as classes em quantidades de salários mínimos, assim quando se desse aumento ao mínimo, todos teriam aumento automaticamente, acabar com as aposentadorias especiais para todos que não contribuirão pelo menos 15 anos para a previdência, inclusive políticos que ficam apenas uma gestão de 4 anos e se aposentam, colocar um mínimo de idade tanto para homem como para mulher, assim não teria gente se aposentando muito novo.Acabar com as aposentadorias vitalícias de pai para filhas, de ex presidentes de ex governadores e outros ex. Criar apenas um imposto para cada produto e serviços pagos apenas no seu consumo final, acabaria com o imposto cascata. Criar um imposto para patrimônio adquirido e sobre fortunas, quem ganha mais deve pagar mais do que quem não tem nada. O poder Judiciário deveria ser maior do que os outros dois, pois é o poder que julga e media todos os atos deveria se sobre por aos outros dois, assim talvez o respeito a quem passa uma vida estudando para ser juiz não tivesse que ver gente de pouco ou quase nada estudado dando o caminho das pedras. Mas para fazer parte da corte maior, só através de concurso público, e não indicado pelo executivo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu concordo com Paulo Gomes. é exatamente isso que tem que ser feito nesse país, acabar de uma vez por toda essa desigualdade social, Uns ganha muito, e outro não ganham quase nada. ( É uma tremenda mal distribuição de renda)

      Excluir
    2. Parabéns Paulo Gomes! É isso mesmo, a fixação GERAL de salários em X-mínimos seria a forma mais adequada, pois ao avaliar o reajuste já se teria uma noção do impacto na economia. Isso eliminaria grandes problemas nas câmaras municipais e estaduais que sempre reajustam seus salários sem critérios e causam revolta na população!

      Excluir
    3. Não à aposentadoria do político ao fim do mandato. E sim como nos militares de fronteira o tempo cumprido conta dobrado para aposentadoria. Seria o mais justo.

      Excluir
    4. Concordo, como querem reforma com tratamento especial hediondo aos políticos? ?

      Excluir
  4. Eu discordo. Acho que o judiciário está preocupado é com seus prórprios salarios, diga-se de passagem altissimos. Ao invés de ficar confundindo a população, porque não fazem uma reforma nos próprios salarios, e dão um bom exemplo a todos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SABE PORQUE O JUDICIARIO EM PAIS SERIO GANHA BEM.PRA NÃO SE COROMPER. O JUDICIARIO GANHA UMA MISERIA. E AINDA NÃO TEM QUE CONTAR ATE MIL PARA FAZER SEU TRABALHO E QUANDO FAZ SEM CONTAR ATE MIL TEM QUE SE DEFENDER.

      Excluir
    2. SABE PORQUE O JUDICIARIO EM PAIS SERIO GANHA BEM.PRA NÃO SE COROMPER. O JUDICIARIO GANHA UMA MISERIA. E AINDA NÃO TEM QUE CONTAR ATE MIL PARA FAZER SEU TRABALHO E QUANDO FAZ SEM CONTAR ATE MIL TEM QUE SE DEFENDER.

      Excluir
    3. Meu amigo, se acha que o salário da força de trabalho é alto, vai dar uma olhadinha na renda mensal dos Senadores que propõem a discutida PEC. Além do mais, aprofunde mais o seu senso crítico. Não se trata apenas de salário -apesar de que concordo com você no sentido de haver um reajuste salarial para os componentes de alto cargo dos três poderes-, se trata de reduzir a força de trabalho do poder judiciário, e atrasando ainda mais os processos contra a corrupção que assola o SEU país. Se a lei nacional é frouxa e o andamento é lento quanto á corrupção Brasil, pode ter certeza que isso vai se agravar caso a PEC n°55 (antes denominada PEC 241) seja aprovada.

      Excluir
    4. Essa pec 241, agora 55, vai estrangular todo o sistema público de saúde e de educação. Só alguem muito ignorante, ou mal intencionado, pode acreditar que congelando menos de 8% da receita da União vai resolver os problemas financeiros do país. Proponho que se congele os 45% destinados ao pagamento dos juros da dívida publica e, ainda, que se baixem estes juros dos atuais 14,25% para o juros da poupança. Aí sim, com a economia gerada poderíamos melhorar a saúde, a educação... Mas, notem que a opção é inversa, contrária a isso.

      Excluir
    5. Sou analfabeta, estudei até a oitava série. Mas meu instinto diz que essa PEC241 não é pra beneficiar os 70% de pobre miserável que tem aqui. E sim pra arrebentar com o resto de dignidade que alguns ainda tem. Se votarem a favor não chegaremos em 2020 sem uma guerra civil.

      Excluir
  5. POVO COVARDE !! TEMOS O EXÉRCITO DO NOSSO LADO PARA NOS DEFENDER..MAS PREFEREM SOFRER PEDINDO O MISERÁVEL IMPEACHMENT DO QUE CONFIAR A MISSÃO DA LIMPEZA DESTE DESGOVERNO ,NAS MÃOS DA NOSSA HONRADA FFAA!>>>> EU PRECISO REVELAR AO POVO QUE O BRASIL TEM CONCERTO SIM!. SE TODOS NÓS IRMOS AS RUAS BRADAR POR LIBERTAÇÃO DO BRASIL,E CONTRA ESTAS TRALHAS COMUNISTAS QUE VIERAM PARA MATAR O POVO COM SUAS LEIS ABSURDAS!>>>>>>BELEZA E FEIURA NÃO É A BASE SE SUSTENTAÇÃO,E MUITO MENOS PALAVRAS E PROJETOS, PARA A LIBERDADE DE UM POVO E DO PAÍS!!!>>>>>>NOSSA PÁTRIA ESTÁ UMA MERDA PURA..VIROU UMA GRANDE FOSSA!>ONDE TODOS DETRITOS MAFIOSOS DE QUADRILHAS POLITIQUEIRAS COMUNIZADAS ,SÃO DESPEJADAS AQUI NO BRASIL,NOS ATOLANDO E NOS MATANDO NESTE MAR DE CORRUPÇÃO!>>QUEM ENTENDE DO BRASIL É O NOSSO EXÉRCITO!!..HOMENS ESTUDADOS E VALENTES DESTEMIDOS GUARDIÃS DESTE PAÍS. CORAJOSOS E PREPARADOS PARA A PELEJA!>> POR QUE TENTAM DESTRUIR NOSSOS MILITARES???..PARA DOMINAREM O POVO SEM FORÇA NENHUMA DE PROTEÇÃO!..ASSIM SÃO OS MAFIOSOS COMUNISTAS..DESTROEM, A FORÇA PRINCIPAL DO PAÍS PARA DEPOIS DOMINAR O POVO!!>>ACORDEM BRASILEIROS!!! VAMOS PARA AS RUAS DEFENDER NOSSOS GUERREIROS!!!>>>CUBA E VENEZUELA ,NÃO FICARAM AO LADO DE SEUS DEFENSORES MILITARES..HOJE PAGAM O PREÇO DE SANGUE POR SUAS COVARDIAS!!!>>>SE DO POVO EMANA PODER..PORQUE SE CALARAM???!>>. O MUNDO TEM QUE VER QUE OS BRASILEIROS ESTÃO DO LADO DO NOSSO EXÉRCITO!!!!>>>FORA DISTO..SE NÃO FOR ASSIM...É SÓ DESTRUIÇÃO DO POVO E DA NAÇÃO!!!>>OS CORRUPTOS FIZERAM DA CANETA SUAS ARMAS!!>>>VAMOS DAR FORÇAS AS FORÇAS ARMADAS COM NOSSO BRADO DE APOIO PARA QUE INTERVENHAM NESTE BRASIL!!>>>>BASTAAAAAAAAAAAA!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então dê o exemplo e vá às ruas!

      Excluir
    2. Presta atenção. Hoje se o povo for para a rua protestar contra a corrupção que atinge diretamente o governo, inclusive o palácio do planalto, o seu tão amado exército será chamado para dar porrada no povo. Acabou o amor. Protestar contra Dilma era fácil, apesar de tudo, ela era democrata. O que está aí hoje é autoritário. Vai lá, tenta entrar no Palácio do Planalto para protestar como fizeram em 2013. Entendeu ou precisa desenhar?

      Excluir
    3. Sr. Peçanha, calma. Que tiroteio é esse?! O que o povo brasileiro precisa é de PAZ e FRATERNIDADE.O nossos jovens precisam de educação de qualidade.Seria interessante começar por nossa Língua Mãe, o Português; exemplo:- conserto de consertar é com S, concerto com com C é de recital, etc..etc..Também não se diz "se todos nós irmos", mas sim SE TODOS NÓS FORMOS". E como diz o poeta "Narciso acha feio aquele que não é espelho"...Calma Sr. Peçanha...

      Excluir
    4. Existe muita corrupção com envolvimento das altas patentes nas próprias forças armadas, sobretudo no exército. Vá atrás meu bom homem e não fique achando que os homens "inteligentes" do exército irá te salvar não.

      Excluir
    5. Não. A Dilma era uma burra comunista, comandada pelo Foro de São Paulo. Fez chuncho para acertar a roubalheira do PT e teve o merecido impeachment. Estou achando que esta página está é cheia de esquerdistas, viúvas dos falecidos Lula e Dilma. Tchau e não voltem mais, ladrões duma figa.

      Excluir
    6. Seu Alceu Alves, faça uma avaliação de suas palavras, não se trata de partidos políticos, por que tanto ódio do PT?, você como um homem mais velho e experiente deveria entender que o Brasil precisa de uma reforma politica urgente, partido não significa nada,temos que fazer uma avaliação e tratar os fatos com imparcialidade, e ver, que forma de governo é realmente melhor para todas as pessoas, o governo ideal, está no mundo das idéias com diz, Platão, mas devemos procurar pela melhor forma.

      Excluir
    7. Exército nao faz nada até que uma briga sagrenta aconteca.

      Excluir
    8. Exército nao faz nada até que uma briga sagrenta aconteca.

      Excluir
    9. Que ignorância. Vá ao.dicionario e procure a pakavra conunismo. Depois, procure outra: capitalismo. Estude meu amigo em lugar nenhum di planeta os militares souberam governar. Aproveite e leia a pec 241.

      Excluir
    10. Que ignorância. Vá ao.dicionario e procure a pakavra conunismo. Depois, procure outra: capitalismo. Estude meu amigo em lugar nenhum di planeta os militares souberam governar. Aproveite e leia a pec 241.

      Excluir
  6. Com os mesmos pretextos apontados pelos os juízes,a Pec 241 irá limitar gastos destinados as operações da lava-jato e,que terá de serem aceitos pelas as sociedades como um todo.

    O Brasil está caminhando para um massacres de cidadãos civis generalizados e,a Suprema Corte fica na inércia como se nada tivessem acontecendo.

    O presidente do Senado,deixou bem claro que os entraves maior,são as operações da lava-jatos,que podem o atingi-lo diretamente.

    ResponderExcluir
  7. Concordo com o meu Gomes e com Isasc Trindade. Afinal somos todos iguais perante a lei ou não?

    ResponderExcluir
  8. Não adianta criar PECs ou aumentar impostos ou cobrar desempenho do setor privado, industrial, de trabalhadores ou aposentados brasileiros, os quais labutam e geram impostos para o futuro, NÃO PARA PAGAR A CONTA causada pelos corruptos/ladrões, que assaltaram a nação! Políticos ‘ficha suja’ jamais podem permanecer no quadro político deste país, pois, burlaram as leis da constituição. Decretos e leis elaborados/as por políticos corruptos e aprovados/as no congresso sob o pagamento de mensalões só favorecem a eles ‘políticos corruptos’, não ao cidadão trabalhador ou aposentado brasileiro. Que a Justiça Brasileira, tanto estadual quanto Federal, com JUÍZES CONCURSADOS, com o apoio da PF, MPF e das FFAA, venham destituir essas mazelas nomeadas/criadas em defesa dessa má política corrupta do governo que aí está. POLÍTICO CORRUPTO COM A CANETA NA MÃO É PIOR QUE ASSALTANTE DE BANCO À MÃO ARMADA!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu concordo com Geraldo Pereira, é exatamente isso que tem que ser feito nesse país, acabar de uma vez por toda com essas mazelas que assolam nosso dia a dia. Lugar de corrupto é na masmorra.

      Excluir
  9. Se continuar como vai indo, esses juizes de primeira instancia vao passar por cima cada vez mais da Constituicao, o que precisa e por eles em seu devido lugar. Ja passaram dos limites, nao respeitao a Constituicao e nem o Codigo de Processo Penal. Ja deu!!

    ResponderExcluir
  10. POEQUE NAO CONGELAR KU DELES SO QUER CONGELAR DO POVO

    ResponderExcluir
  11. PORQUE O GOVERNO NÃO COLOCA NO INTERIOR SÓ UM ADMINISTRADOR,ASSIM DIMINUE OS GASTOS .SO QUER TIRAR DO POBRE QUE JÁ NAO TEM NEM PRO SUSTENTO.

    ResponderExcluir
  12. Respostas
    1. Sabe o que eu penso. Deveria entrar naquele planalto e com armas com silenciador e ir matando, até chegar onde estão os juízes, senadores e deputados.

      Excluir
  13. De um lado, pura especulação. De outro, sabem que deus salários terão que acompanhar os percentuais da iniciativa privada e não ao gosto dos governantes. Também o Congresso terá que realizar orçamentos realistas, responsáveis. Alguma coisa precisa ser feito, no mínimo em respeito aos doze milhões de desempregados.

    ResponderExcluir
  14. O que precisa ser feito com urgência é cortar pelo menos a metade dos cargos de senadores e deputados, retirar as verbas indenizatórias, acabar com as mordomias e os altos salários dos políticos... mas ninguém quer cortar na própria carne né?! Além disso eles deveriam perceber por mês o que o trabalhador têm como teto ... afinal eu como professora em duas cadeiras efetiva e estável tenho 1/4 do meu salário descontado a título de impostos e previdência e o meu bruto por 50 horas semanais em sala de aula é inferior ao vale-alimentação deles... se nós conseguimos sobreviver com nosso salário ínfimo... eles também devem fazer o mesmo... assim não precisa de PEC 241 ou 55 e quem be até consigamos a reposição de nossas perdas já que estamos com salários congelados a quatro anos awui no Espírito Santo

    ResponderExcluir
  15. A máfia continua, apensa isso.... manipulação o tempo todo, tem muitos ainda escondidos e querem prejudicar de alguma forma a lava jato... e o MP.

    ResponderExcluir
  16. Essa PEC é uma burrice galopante, a solução é obvia, baixar juros. Isso, esse governo, dominado pelo sistema financeiro não quer nem pensar. A unica solução viável para salvar o Brasil é tirar esse governo, fazer novos eleições e não permitir corruptos de se candidatar novamente, nem corruptos, nem religiosos que são a mesma coisa.

    ResponderExcluir
  17. Não apoiaram o golpe, a afronta à Constituição, à Lei, à Justiça, o desrespeito ao devido processo legal, pilar da atuação jurisdicional? Agora danem-se! Pior é que vai respingar em todos nós...

    ResponderExcluir
  18. um jeito simples de tirar o Brasil da crise fazer com que os políticos que roubaram o governo devolvem o valor em dobro, só que que eles roubam mas do que se e arrecada em impostos e nada e feito quando e descoberto que eles roubaram

    ResponderExcluir
  19. Eu não sou favorável a PEC 241 no que tange aos limites impostos aos gastos com a Saúde e a Educação, contudo existe sem dúvida a necessidade de se acabar com os abusos existentes em diversos segmentos corporativos elitizados, seja a nível federal, estadual, municipal. Nenhum Poder, Legislativo, Executivo, Judiciário...etc., pode ter tratamento diferenciado em relação ao trabalhador comum.

    ResponderExcluir
  20. Concordo com o Peçanha, a única salvação para o Brasil e a intervenção militar imediata para fazer a limpeza desses parasitas que estão minando as forças desse país.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vivestes a ditadura militar quando falar de corrupção era um atalho para ser "sumido". A corrupção era maior e blindada. Não sabem o que falam, neandertais!

      Excluir
  21. Contribuirei com os comentários, já feitos por algins, em especial o Paulo Gomes: Aumentos salariais de servidores públicos, com base no Salário Mínimo, sendo Naão sou a favor de aumentos todas as categorias profissionais e cargos com salários proporcional ao salário mínimo e seu reajuste idem,"assim quando se desse aumento ao mínimo, todos teriam aumento automaticamente.Acabar com as aposentadorias especiais para todos que não contribuiram pelo menos 15 anos para a previdência, inclusive políticos que ficam apenas uma gestão de 4 anos e se aposentam. Acabar com as aposentadorias vitalícias de pai para filhas, de ex presidentes de ex governadores e outros ex." Criar imposto único, ou uma Reforma Tributária ampla, moderna e justa. Com isso já dá para dizer que temos governo, no sentido literal da palavra, no mais, é uma constante aposta em medidas que exigem sacrifício do povo, por prazo dilatado e retorno duvidoso. Ações firmes demandam também por retorno à cuto prazo.

    ResponderExcluir
  22. Contribuirei com os comentários, já feitos por algins, em especial o Paulo Gomes: Aumentos salariais de servidores públicos, com base no Salário Mínimo, sendo Naão sou a favor de aumentos todas as categorias profissionais e cargos com salários proporcional ao salário mínimo e seu reajuste idem,"assim quando se desse aumento ao mínimo, todos teriam aumento automaticamente.Acabar com as aposentadorias especiais para todos que não contribuiram pelo menos 15 anos para a previdência, inclusive políticos que ficam apenas uma gestão de 4 anos e se aposentam. Acabar com as aposentadorias vitalícias de pai para filhas, de ex presidentes de ex governadores e outros ex." Criar imposto único, ou uma Reforma Tributária ampla, moderna e justa. Com isso já dá para dizer que temos governo, no sentido literal da palavra, no mais, é uma constante aposta em medidas que exigem sacrifício do povo, por prazo dilatado e retorno duvidoso. Ações firmes demandam também por retorno à cuto prazo.

    ResponderExcluir
  23. Chega de comentários bonitinhos querendo explicar a merda de desgoverno que está instalada. Enquanto os militares não se pronunciarem vamos ter que assistir este circo que está montado desde 1984. O Brasil precisa de alguém com pulso extremamente forte para governar com mão de ferro.

    ResponderExcluir
  24. Chega de comentários bonitinhos querendo explicar a merda de desgoverno que está instalada. Enquanto os militares não se pronunciarem vamos ter que assistir este circo que está montado desde 1984. O Brasil precisa de alguém com pulso extremamente forte para governar com mão de ferro.

    ResponderExcluir
  25. O governo Temer vem fazendo um trabalho vergonhoso. Nem se fala em auditoria da dívida pública.

    ResponderExcluir
  26. o ovo brasileiro já vive assim a anos com o salario reajustado com base na infração do ano anterior a eles sempre com reajustes a cima , só uma coisa a dizer juises bem vindos ao brazil , kkk chupa essa manga

    ResponderExcluir
  27. Isso sim é uma ditadura política. A onde estão as forças armadas? Será que também sucumbiram aos prazeres proporcionadados pela corrupção?

    ResponderExcluir
  28. Meu Deus, Que país é esse!Que ainda falam em ditadura militar e ninguém respeita mais a eleição direta! A maior besteira que fizeram até agora foi o golpe! Vemos agora que a corrupção continua e as trocas e conchavo estão cada vez pior é o povo não pode contar com instituições nenhuma para defende-los! A não ser que aja interesses próprios!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que golpe? O golpe que os comunistas de esquerda deram no Brasil? Conseguiram afundar o País e deixar milhares de pessoas desempregadas.Quando fala em golpe me lembra muito a tal senadora do PT Fátima Bezerra.Mas prapor ordem no Brasil somenteb as FFAA.BOA NOITE.

      Excluir
  29. Em quanto isso o glamour volta a brasilia como disse o deputado federal heráclito fortes com festa e coqueteeis pra mais de 400 deputados e nós pagando o pato.

    ResponderExcluir
  30. Talvez possamos, enquanto cidadão, fazer a algo mais do que opinar ou ir pras avenidas protestar...penso que preciso participar mais da política, de forma efetiva... por exemplo acompanhando responsavelmente o trabalho deles, nas câmaras municipais, nos programas de governo estaduais... nos organizarmos melhor, arregaçar as mangas e participar de verdade... no meu estado já ouvi casos de corrupção inclusive dentro do TCE. Nós entregamos nosso dinheiro para outro gastar com contas específicas, saúde, educação, segurança, etc... mas não somos, ainda, bons patrões... não fiscalizamos, não cobramos, não participamos das audiências públicas, poucos de nós estuda seriamente as questões de interesse da sociedade...talvez sejamos merecedores de tudo q estamos recebendo... mas podemos acordar de verdade. Somos um povo singular... temos inúmeros recursos à nossa disposição... Nossa terra é maravilhosa... Estamos em melhores condições que centenas de outras nações... pq ainda vivenciamos coisas tão baixas? Só pra lembrarmos, os políticos, todos eles saíram do seio do nosso amado povo, não são alienígenas.

    ResponderExcluir
  31. Quando a água bate na bunda o sentimento indignação surge em qualquer um... Agora veremos a cara dessa direita que só vai contra e a favor daquilo que a tv e jornais mandam.

    ResponderExcluir
  32. Certamente, os servidores públicos não são a origem dos desequilíbrios das contas públicas, mas também não é incorreto afirmar que alguns deles contribuem para essa realidade.
    Mais triste do que a corrupção patrocinada por ladrões assumidos, que espoliam o erário, é a corrupção de valores daqueles que se fazem contorcionismos jurídicos para furar o teto e se locupletarem.
    O que é pior?

    ResponderExcluir
  33. Tão fácil resolver tudo isso...
    Parar geral o Brasil!
    Greve geral! Eu digo geral, não apenas uma ou duas instituições.
    Acabaram com a democracia quando tiraram uma presidente eleita legitimamente.
    Então que se dane a democracia!
    Vamos parar geral e ir pras ruas já.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Presidente eleita legitimamente,então Temer tbm foi eleito legitimamente.Mas uma coisa concordo com vcv GREVE GERAL,sem data pra terminar.

      Excluir
  34. Minha opinião, não é pec nem medidas provisórias que vão colocar o Brasil no rumo do crecimento outra vez pois oque afastou os investidores foram os corruptos e se a população não sair e forçar uma reforma política onde acabe com fórum previlegiado e com várias mordomias não teremos retorno internacional, nosso país lá fora esta desmoralizado onde cada pessoa que vai assumir um cargo ou uma função tem uma delação que envolve sua pessoa em escândalo .
    Acho eu que só depois que moralizar o legislativo é que podesse fazer outras reformas

    ResponderExcluir
  35. KKKKKKKKKKKKKKKK
    Só rindo mesmo!

    Juízes estão preocupados com a classe deles!

    Claro que a PEC 241, só apoiam três categorias da Sociedade:
    -os analfabetos funcionais
    -A Putocracia
    -E os verdadeiros Corruptos (michel e sua gangue)

    ResponderExcluir
  36. Eliane Gambarra, percebo que vc tem vínculo familiar com o presidente Temer, pois dizer uma bobagem daquela só pode ser uma sem informação ou não tem filhos para prosperar pelos seus futuros, reflita sobre o que pode a acontecer com a nação com esse projeto que a federação vem tentando empurrar de garganta a dentro. Vc deve ter cultura e ser uma pessoa inteligente. Abraços.

    ResponderExcluir
  37. Se trata de uns celerados e para eles a justiça verdadeira além de real.

    ResponderExcluir
  38. Mas não foi um juiz federal, o Moro, que nos levou para essa PEC?

    ResponderExcluir
  39. Sou contra a PEC 241
    Antes de nossos representantes pensarem nessa pec pq não começaram reduzindo os salários dos mesmos e cortando todas as mordomias pq isso somos nos q pagamos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com luh. Eles ganham muito . e essa PEC NAO AFETA ELES.

      Excluir
  40. Respostas
    1. OK. Não foi citada a fonte mas se você pesquisasse um pouquinho veria que está lá na AJUFE:
      http://www.ajufe.org/imprensa/ajufe-na-imprensa/nota-da-ajufe-sobre-a-pec-241

      Excluir
  41. Dureza é ver gente que acredita que os caras que gastam esse " a mais " lançando uma PEC que acabaria com as regalias destes mesmos caras...

    Que caras bonzinhos né?
    O Temer é praticamente a Madre Tereza de Calcuta limitando os gastos dele....opa não péra... o Executivo não esta incluso, nem os gastos a prazo (* que rendem os juros, e são mais de 40% da divida)...opa...

    Mas legal mesmo é ver um banco como o Itaú, que foi um dos primeiros a lançar um informativo na rede dizendo que a PEC era benéfica para o país e vital para os mais pobres...veja você, como o ITAÙ é quase uma instituição filantrópica, considerando que os bancos privados em 2016 tiveram uma arrecadação superior a 2015 que já havia sido "recorde" na história do país com uma margem superior a 40% da arrecadação dos anos anteriores a este biênio...

    Aí que eu te digo, como são honestos o Temer e o ITAÚ, que seriam os principais interessados em que os se beneficiar se a PEC não fosse aprovada....veja que coisa mais curiosa...temos muita sorte de termos bancos e um (VICE)presidente honestos a esse ponto heim...impressionante!!!


    Isso é bacana acontecer perto do final de ano, porque o povo acredita em tanta coisa, que certamente irão acreditar que agora em dezembro, "papai noel" chegará com presentes para todos!!!!

    ResponderExcluir
  42. e só observar bem o que a eliana escreveu, vai ver que ela não está errada, si pra controlar gastos, e uma boa alternativa.

    ResponderExcluir
  43. Amigos! me expliquem simplificadamente sem essas palavras difíceis kkķk...queria muito entender o que de ruim e o que de bom ? a Pec representa ( o que mudaria ) para nós povão (brasileiros) honestos que tanto sonhamos em ver um Brasil melhor! PFV? Quero deixar de ser leiga no assunto.

    ResponderExcluir
  44. O que precisamos é de melhor gestão,de pessoas realmente comprometidas com políticas publicas. De que adianta cortar gastos se o que se economizar vai ser embolsado pelos poderosos. No final das contas esse dinheiro vai para numa conta na Suiça e o país continuará na mesma como sempre. Todos sabemos que a corrupção nesse país é algo cultural e só com punições severas é que se poderá intimidar od corruptos. Temos leis perfeitas no papel mas que precisam ser cumpridas. O país não pode estacionar por 20 anos enquanto o mundo avança,isso é um grande retrocesso.

    ResponderExcluir
  45. Embora seja uma medida antipática o controle do gasto público é necessario. Portanto, não vejo porque tanta preocupação da magistratura que devia se preocupar mais com a prestação jurisdicional.

    ResponderExcluir
  46. o objetivo dessa emenda, e controlar os gastos publicos, para que possa retomar o crescimento da economia, e o pais saia dessa crise.

    ResponderExcluir
  47. o objetivo dessa emenda, e controlar os gastos publicos, para que possa retomar o crescimento da economia, e o pais sair dessa crise.

    ResponderExcluir
  48. Talvez falar adiante De forma teorica, seria bom por tudo em pratica sendo integro, nada a ver ficar debatendo palavras duras se sua mente esta deslocada de qualquer plano concreto, parabens pra vcs nessas datas queridas, muitas felicidades, muitos anos de vida, ratimbum ,ipocrisia

    ResponderExcluir
  49. Bom dia a todos e a todas.

    Percebo que o país está sendo mal administrado com gastos excessivos em determinadas áreas. Funcionários recebendo muito outros com salários quase zerados. A desigualdade social se acentua, o pobre se torna encurralado. A consciência crítica, mesmo que exista, dá lugar ao assistencialismo porque a carência é grande. Na hora de votar escolhe os que lhe mata sua fome, pois o imediatismo fala mais alto.

    É exatamente nesta brecha que a corrupção se infiltra... começa pelos pequenos que se corrompem. Elegendo aproveitadores da miséria social.

    Percebo também que para se pagar um salário mínimo mais arrojado é preciso dividir melhor os ganhos, pois enquanto determinados grupos ganham exageradamente, outros ficam no esquecimento.

    A corrupção não existe só no governo, pois há muitos sonegadores de impostos. E porque eles fazem isso? Acredito que seja pela ineficiência dos serviços prestados pelo governo na área de saúde, educação, segurança, assistência social , habitação, ETC.

    é preciso romper com esse modelo de governança e investe na aceleração do crescimento. Isso será possível quando houver tratamento decente para com a sociedade em geral. Chega de privilégios dos políticos, tanto do executivo quanto do legislativo.

    Outra coisa o sistema impõe ao empreendedor uma taxa tributária altíssima, pois para manter um funcionário que receba R$ 2.000,00 ele necessita ter R$ 6.000,00 para manter a logística em funcionamento e por aí vai.

    É preciso cortar gastos dos que possuem muito e não fazer vista grossa ao que se vê. A lei da moralidade pública também põe a transparência como principio de uma boa gestão onde todos possam vê o que se recebe e o que se gasta. Aí sim essa utopia vira realidade.
    Diga não a corrupção..Governo de grupo é governo corrupto. O TEMER ao assumir deu aumento ao judiciário para ter garantia que não ter retaliação....por isso que quer congelar salário....os deles já foram aumentados. já estão garantidos..SE LIGUEM NISSO......

    ResponderExcluir
  50. Respostas
    1. Porque não te calas? Vá lá no sítio da AJUFE!

      Excluir
  51. Deveriam sim baixar salários do funcionalismo público como juízes e ministros acabarem com essas regalias onde já se viu uma pessoa que já ganha mais de 30 mil e ainda ganhar auxílio para pagar a faculdade dos filhos uma verdadeira vergonho ao estado de direito quem tem que ganhar auxílio e o pobre que quer formar seu filho e não tem dinheiro para isso....

    ResponderExcluir
  52. Sou a favor da aprovação da “PEC”, porque é de extrema importância diminuir os gastos do dinheiro público com o prostíbulo nacional, digo, com as extravagâncias de tantos parasitas. Isto mesmo! Nós, brasileiros, temos aceitado passivamente financiar os custos desmedidos para manter 513 deputados e 81 senadores, cada qual com sua montoeira de assessores; permanecemos, infelizmente, condescendente com tamanha bandidagem.
    Permita-me explicar: Refiro-me a PEC 106/2015; aquela que propõe reduzir o número de deputados para 385 e o de senadores para 54 (http://www.diariodobrasil.org/o-brasil-precisa-apoiar-a-pec-106-proposta-preve-uma-reducao-no-numero-de-senadores-e-deputados/). A propósito, sou mesmo a favor da PEC 106/2015, mas, não estou inteiramente satisfeito com ela, pois, mesmo que algum dia aconteça de fato sua aprovação, o que duvido muito, ainda assim permaneceriam muitos parlamentares com seus respectivos exércitos de assessores financiados por nós brasileiros; mas, quem precisa deles afinal?!…
    Quanto à relevância da PEC 241, não consigo concordar com sua aprovação sem um amplo debate com quem financia as despesas, ou seja, o povo brasileiro.
    Embora seja óbvio que o desequilíbrio fiscal, em grande parte, procede do crescimento dos gastos sociais, é gritante o contrassenso daquele espetáculo no qual assistimos os políticos que possuem regalias não vistas em nenhum outro País do mundo, parlamentares que acarretam as maiores despesas já praticadas em comparação com qualquer outra Casa de Leis do planeta, votando a favor de um congelamento no orçamento referente às áreas essenciais à desrespeitada população que trabalha, estuda e paga seus impostos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quero editar este comentário e não encontro a opção. Será mesmo que não existe?

      Excluir
  53. Talvez essas pessoas que ta contra a pec, e porque tem o salario gordo, eu diria mais que isso, ai estão preocupados com a pec, pois si trata de uma proposta que e favoravel a sociedade, principalmente os mais fraco, como ja falei, o objetivo da proposta, e controlar os gastos publicos, a fim de restaurar a economia do pais.

    ResponderExcluir
  54. Já q é pra tratar de Teto de Gasto Público, eles, os "senhores de nossos destinos", q comecem a justificar, explicar o q farão com os bilhões já repatriados. Terminar obras inacabadas,muitas quais só servem para satisfazer o ego de quem governa ? OU Recuperar os Serviços de Saúde Pública, depenados, abandonados por quem governa ? Investir na Educação Pública, equipando Escolas e Universidades com material adequado e pessoal especializado ? Garantir Serviços de Segurança Pública eficiente, proporcionando salários adequados e equipamentos aos profissionais ?

    ResponderExcluir
  55. Impostos sobre grandes fortunas resolve o problema, não precisa aprovar essa PEC 241/55, por que hoje em dia os maiores possuidores das grandes fortunas são os corruptos que roubaram do povo, donos de grandes fazendas de gado, que não precisa nem citar os nomes. Então, IMPOSTOS SOBRE GRANDES FORTUNAS RESOLVE O PROBLEMA DESSA CRISE.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.